O que você procura?
Print

Inovação, papeis organizacionais em um estudo de caso na ótica da Tríplice Hélice na suinocultura Catarinense

A cadeia produtiva da suinocultura catarinense, motivada por exigências legais e de mercado, constituiu um arranjo institucional, composto por Governo, Empresas e Universidade, visando impulsionar a pesquisa e inovação. Para compreender este arranjo, o presente artigo se propõe analisar o papel dos seus atores utilizando a Teoria dos Papéis em Time (Belbin, 1981) e as relações entre as instituições, conforme modelo da Tríplice Hélice. Com a união das duas análises foi possível estabelecer um cenário de inovação para suinocultura e propor alguns desdobramentos, buscando sua sustentação como um habitat de inovação.

Download do Arquivo

Sumário